Confraria do Atlético

26 de março, dia do Atlético, mega saudação ao nosso rubro-negro, nas redes sociais

E-mail Imprimir PDF

Vem aí a data que marca os 94 anos de fundação do Clube Atlético Paranaense. Grupos de whatsapp ligados à Assocap decidiram por homenagear o Furacão através de um barulhaço nas redes sociais, disparando mensagens de paixão, respeito e compromisso ao clube que desde os primeiros dias de existência foi chamado de time da Baixada.

Para participar é simples, basta ir até sua conta de twitter e/ou facebook e deixar falar seu coração. 26 de março é o nosso dia, dia do Atlético Paranaense, única agremiação de futebol no Estado que tem sua data de fundação incluída no calendário oficial do Paraná, consagrada em lei por articulação do Deputado Estadual, Alexandre Curi.

Arremate

O elenco principal do Atlético Paranaense está na fase final da preparação para a partida desta quinta-feira (15), contra o Ceará, pela terceira fase da Copa do Brasil. O duelo acontece às 21h30, no Castelão, em Fortaleza (CE). Titular no primeiro jogo, o volante Esteban Pavez destacou as duas semanas de treinamentos para o segundo e decisivo compromisso. “Temos trabalhado muito. O primeiro jogo foi diferente, com um homem a menos durante quase todo o jogo”, avaliou. “Agora, vamos com muita vontade para ganhar”, acrescentou.

Contra a equipe cearense, os torcedores atleticanos puderam ver o chileno em uma nova função em campo. Mais recuado, Pavez espera repetir o bom desempenho do jogo em Curitiba. “É diferente, mas o importante é jogar. Estou tentando fazer o melhor para a equipe”, ressaltou. Para o jogo no Castelão, Pavez pode aparecer entre os titulares mais uma vez, já que o zagueiro Thiago Heleno cumprirá suspensão automática. “Eu trabalho todo dia para ser titular. Estou com muita confiança e vou me esforçar ao máximo”, disse.

O volante também está pronto para a pressão do adversário e da torcida cearense. “Tenho um companheiro que joga lá e falou que o estádio estará cheio. Eu gosto de jogar em campos assim”, admitiu o chileno, citando o colombiano Javier Reina, com quem atuou no Colo-Colo em 2016. Para conquistar a classificação para a quarta fase da Copa do Brasil, o Furacão precisa de uma vitória simples. Em caso de empate, a vaga será decidida nos pênaltis. Neste ano, o gol qualificado [marcado como visitante] não é utilizado como critério de desempate.

Última atualização ( Seg, 12 de Março de 2018 19:40 )  

Santuário da Nação Rubro-Negra

Please wait while JT SlideShow is loading images...
Photo Title 1Photo Title 2Photo Title 3Photo Title 4Photo Title 5

Projeto de Lei de Iniciativa Popular “Libera Cerveja”



DISPÕE SOBRE A VENDA E O CONSUMO DE BEBIDAS NAS ARENAS DESPORTIVAS E ESTÁDIOS NO ÂMBITO DO ESTADO DO PARANÁ.

Art. 1º – Este projeto de lei tem por objetivo regular a venda e o consumo de bebidas nas arenas desportivas e estádios no âmbito do estado do Paraná.

Art. 2º – A comercialização de bebidas nas arenas desportivas e nos estádios localizados no Estado do Paraná será permitida desde a abertura dos portões para acesso do público ao estádio até o final da partida, assim entendido o momento do apito final do árbitro.

Art. 3º – A única bebida alcoólica que poderá ser vendida e consumida em recintos esportivos é a cerveja, sendo proibida a venda e o consumo de quaisquer outras espécies de bebidas alcoólicas, sejam elas destiladas ou fermentadas.

Art. 4º – A comercialização de bebidas nas arenas desportivas e nos estádios somente poderá ser realizada em copos plásticos ou garrafas plásticas, descartáveis, admitido o uso de copos promocionais de plástico ou de papel.

Art. 5º – Cabe ao responsável pela gestão do recinto esportivo definir os locais nos quais a comercialização e o consumo de bebidas serão permitidos.

Art. 6º – É vedada a entrada nas arenas desportivas e nos estádios de pessoas portando qualquer tipo de bebida.

Art. 7º – Fica proibida a venda e a entrega de bebidas alcoólicas, nos locais referidos nesta lei, a pessoas menores de 18 (dezoito), podendo os responsáveis responder civil e criminalmente nos termos da Lei Federal no 8.069, de 13 de julho de 1990, com as alterações da Lei Federal nº 13.106, de 17 de março de 2015.

Art. 8º – O descumprimento do disposto nesta Lei sujeita o infrator às seguintes penalidades, sem prejuízo da aplicação da Lei Federal nº 8.078, de 11 de setembro de 1990:

I – se consumidor, será advertido e retirado das dependências do recinto esportivo.

Art. 9º – Deverão ser colocados avisos em diversos setores das arenas desportivas ou estádios, com as seguintes mensagens: “Se beber não dirija, se dirigir não beba” e “É proibida a venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos.”

Art. 10º – As arenas desportivas ou estádios deverão veicular em sistema sonoro ou alto-falante, no mínimo 04 (quatro) vezes durante cada evento, as mensagens “Se beber não dirija, se dirigir não beba” e “ É proibida a venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos.”
Parágrafo único: Fica igualmente obrigada a divulgação das mensagens referidas no caput em telões ou letreiros luminosos nos recintos esportivos que disponham de tais recursos.

Art. 11º – Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Confracap é participação

Twitter & facebook

twitter

Facebook

Galeria Torcedor (a)