Confraria do Atlético

Copa do Brasil 2018 para consagrar o Furacão

E-mail Imprimir PDF


Jogando focado na conquista do título de Campeão da Copa do Brasil, rubro-negro paranaense pode brindar sua torcida com vitória esperada desde 2013 quando chegou ao vice campeonato desta competição. O sorteio e a definição da tabela da Copa do Brasil 2018 será no dia 15 de dezembro, às 15h, na sede da CBF, no Rio. A disputa, que chegará na sua 30ª edição, começa em 31 de janeiro e tem o término previsto para 17 de outubro. O campeão garante vaga na Copa Libertadores de 2019.


Como vai funcionar o sorteio?
Os 80 times classificados para a competição foram divididos em oito potes (A a H) com dez clubes cada, de acordo com Ranking da CBF. A partir daí, os cruzamentos entre os potes foram os seguintes: A x E; B x F; C x G e D x H. Na 1ª fase, os times do grupo 1 (potes de A a D) enfrentam os do grupo 2 (potes de E a H) em jogo único; o time do grupo 1 joga fora de casa e tem a vantagem do empate (gráfico no fim da postagem).

Quais times estão classificados diretamente às oitavas de final?
Bahia (campeão da Copa do Nordeste), Luverdense (campeão da Copa Verde), Cruzeiro (Copa do Brasil), Corinthians (Brasileiro), Flamengo, Vasco, Grêmio, Chapecoense, Corinthians, Palmeiras, Santos, todos por participar da Libertadores, além de América-MG (campeão da Série B) ou Atlético-MG (9º do Brasileirão e com vaga na Libertadores em suspense).

Quando começará a Copa do Brasil?
De 31/1 a 7/2 (primeira fase); de 14/2 a 21/2 (segunda fase); 28/2 e 14/3 (terceira fase); 4/4 ou 11/4 e 11/4 ou 18/4 (quarta fase); 25/4, 2/5, 9/5, 16/5 ou 23/5 (quinta fase); 1/8 ou 8/8 e 15/8 ou 29/8 (sexta fase); 12/9 e 26/9 (semifinal); 10/10 e 17/10 (final).

Quais os critérios de desempate nas duas primeiras fase?
A primeira e segunda fases serão realizadas em partida única, a ser disputada com mando de campo pertencendo ao clube em pior posição no ranking. O mesmo sorteio definirá os mandos de campo da segunda fase. Quem joga fora tem a vantagem do empate na primeira fase; na segunda, em caso de igualdade, pênaltis.

Existe alguma mudança no regulamento da Copa do Brasil?
Sim. A Copa do Brasil de 2018 teve o formato mantido, mas apresenta uma grande novidade: não haverá gol qualificado em nenhuma das fases. Ou seja, os gols marcados na casa do adversário não valem mais como critério de desempate. Outra mudança se refere à data limite para inscrição de jogadores. Atendendo a pedidos dos clubes, ela foi ampliada. O prazo deste ano foi o dia 24 de abril. Em 2018, as equipes poderão receber novos atletas até 30 de julho, antes das quartas de final.

Qual o prêmio para o campeão da Copa do Brasil?
De acordo com nota divulgada pela CBF, o campeão terá direito a R$ 68,7 milhões, valor quase quatro vezes mais que o Corinthians recebeu com título do Brasileirão 2017 – R$ 18 milhões. O Cruzeiro levou apenas R$ 13,3 milhões ao se consagrar campeão de 2017 – R$ 55,4 milhões a menos que o vencedor da próxima temporada vai abocanhar ao levantar a taça.

Quais times estão classificados diretamente às oitavas de final?
Bahia (campeão da Copa do Nordeste), Luverdense (campeão da Copa Verde), Cruzeiro (Copa do Brasil), Corinthians (Brasileiro), Flamengo, Vasco, Grêmio, Chapecoense, Corinthians, Palmeiras, Santos, todos por participar da Libertadores, além de América-MG (campeão da Série B) ou Atlético-MG (9º do Brasileirão e com vaga na Libertadores em suspense).

Copa do Brasil 2018 - SORTEIO


1ª FASE

Os 80 times classificados para a competição foram divididos em oito potes (A a H) com dez clubes cada, de acordo com Ranking da CBF.
A partir daí, os cruzamentos entre os potes foram os seguintes: A x E; B x F;C x G e D x H. Na 1ª fase, os times do grupo 1 (potes de A a D) enfrentam os do grupo 2 (potes de E a H) em jogo único; o time do grupo 1 joga fora de casa e tem a vantagem do empate.




Última atualização ( Qui, 07 de Dezembro de 2017 20:05 )  

Santuário da Nação Rubro-Negra

Please wait while JT SlideShow is loading images...
Photo Title 1Photo Title 2Photo Title 3Photo Title 4Photo Title 5

Projeto de Lei de Iniciativa Popular “Libera Cerveja”



DISPÕE SOBRE A VENDA E O CONSUMO DE BEBIDAS NAS ARENAS DESPORTIVAS E ESTÁDIOS NO ÂMBITO DO ESTADO DO PARANÁ.

Art. 1º – Este projeto de lei tem por objetivo regular a venda e o consumo de bebidas nas arenas desportivas e estádios no âmbito do estado do Paraná.

Art. 2º – A comercialização de bebidas nas arenas desportivas e nos estádios localizados no Estado do Paraná será permitida desde a abertura dos portões para acesso do público ao estádio até o final da partida, assim entendido o momento do apito final do árbitro.

Art. 3º – A única bebida alcoólica que poderá ser vendida e consumida em recintos esportivos é a cerveja, sendo proibida a venda e o consumo de quaisquer outras espécies de bebidas alcoólicas, sejam elas destiladas ou fermentadas.

Art. 4º – A comercialização de bebidas nas arenas desportivas e nos estádios somente poderá ser realizada em copos plásticos ou garrafas plásticas, descartáveis, admitido o uso de copos promocionais de plástico ou de papel.

Art. 5º – Cabe ao responsável pela gestão do recinto esportivo definir os locais nos quais a comercialização e o consumo de bebidas serão permitidos.

Art. 6º – É vedada a entrada nas arenas desportivas e nos estádios de pessoas portando qualquer tipo de bebida.

Art. 7º – Fica proibida a venda e a entrega de bebidas alcoólicas, nos locais referidos nesta lei, a pessoas menores de 18 (dezoito), podendo os responsáveis responder civil e criminalmente nos termos da Lei Federal no 8.069, de 13 de julho de 1990, com as alterações da Lei Federal nº 13.106, de 17 de março de 2015.

Art. 8º – O descumprimento do disposto nesta Lei sujeita o infrator às seguintes penalidades, sem prejuízo da aplicação da Lei Federal nº 8.078, de 11 de setembro de 1990:

I – se consumidor, será advertido e retirado das dependências do recinto esportivo.

Art. 9º – Deverão ser colocados avisos em diversos setores das arenas desportivas ou estádios, com as seguintes mensagens: “Se beber não dirija, se dirigir não beba” e “É proibida a venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos.”

Art. 10º – As arenas desportivas ou estádios deverão veicular em sistema sonoro ou alto-falante, no mínimo 04 (quatro) vezes durante cada evento, as mensagens “Se beber não dirija, se dirigir não beba” e “ É proibida a venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos.”
Parágrafo único: Fica igualmente obrigada a divulgação das mensagens referidas no caput em telões ou letreiros luminosos nos recintos esportivos que disponham de tais recursos.

Art. 11º – Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Confracap é participação

Twitter & facebook

twitter

Facebook

Galeria Torcedor (a)