Confraria do Atlético

Mesa da Assocap na feijoada do Tobias Bar: é neste sábado (5); jantar da 'confraternização de final de ano dos sócios do Atlético' marcado para 12.12.2016

E-mail Imprimir PDF


Clima de alegria da jornada pela conquista de vaga na Libertadores põe a comunidade rubro-negra paranaense, em ritmo de comemoração.

Feijoada

Neste sábado (5), 12h, no Tobias Bar, mesa da Assocap, inicia concentração para o jogo do Furacão contra o Vitória em Salvador. Já estão confirmados em nossa mesa Jacob Santos, Attílio, Valmir ‘Bigode’ Nunes, Watson, Giovanna, Duda, Allisson Bichibichi, Doático, Josmar Senger, Luiz Anselmo Pegurski, Luiz Carlos Barbosa, ênio Kavales e Gilmar José Santos. Novas confirmações de presença, podem ser feitas pelo e-mail Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. ou pelo whats.

Localização do Tobias Bar:
Rua Brasílio Itiberê esquina com rua 24 de Mauá, no Rebouças.

Confraternização anual do sócios do Atlético, dia 12.12.2016

Reunida esta semana, diretoria da Assocap marcou a data para a confraternização anual dos sócios do Clube Atlético Paranaense. Será um jantar, no dia 12 de dezembro de 2016. Local e preço da adesão serão divulgados nos próximos dias. Atleticanos (as) que desejarem integrar a comissão organizadora do evento, devem comunicar intenção através do e-mail ou whats de nossa entidade.

Aquece Furacão foi nota 10 e veio pra ficar

O Atlético inovou ao contratar a empresa de entretenimento MF Solutions para promover a festa da torcida na vitória contra o Cruzeiro, sábado (29), na Arena da Baixada. A ação, comum no vôlei e nos esportes americanos, foi adotada pela primeira vez nos jogos do Furacão como parte da campanha “Aquece Caldeirão” e foi aprovada pelo clube. Tanto que será repetida nas duas últimos partidas do ano, contra Sport e Flamengo.

“Foi o maior desafio da minha carreira. Foi uma sensação única e prazerosa trabalhar na Arena da Baixada e também foi a primeira vez que trabalhamos com futebol. Mas não encontramos dificuldades porque a torcida do Atlético abraçou a causa junto comigo logo na minha primeira entrada”, revela Daniel Fontes, locutor e diretor geral da empresa que promoveu a interação com os torcedores antes da partida e durante o intervalo.

A empresa, que possui sedes no Rio de Janeiro e na Bahia, atua com entretimento esportivo em todo o Brasil e fora do país. “Realizamos etapas do Circuito Mundial de Vôlei de Praia, da Superliga de vôlei, além de eventos de atletismo, judô e hóquei”, conta Fontes.

A festa na Baixada contou com a interação de locutores, produtores musicais, show de iluminação, telões e fumaça artificial como parte da campanha de prevenção ao câncer de mama Outubro Rosa. “Foram seis profissionais da nossa empresa trabalhando no jogo, mas tudo foi feito em conjunto com o marketing do Atlético. Ao todo foram mais de 20 pessoas envolvidas no espetáculo”, explica o animador.


Última atualização ( Qui, 03 de Novembro de 2016 14:05 )  

Santuário da Nação Rubro-Negra

Please wait while JT SlideShow is loading images...
Photo Title 1Photo Title 2Photo Title 3Photo Title 4Photo Title 5

Projeto de Lei de Iniciativa Popular “Libera Cerveja”



DISPÕE SOBRE A VENDA E O CONSUMO DE BEBIDAS NAS ARENAS DESPORTIVAS E ESTÁDIOS NO ÂMBITO DO ESTADO DO PARANÁ.

Art. 1º – Este projeto de lei tem por objetivo regular a venda e o consumo de bebidas nas arenas desportivas e estádios no âmbito do estado do Paraná.

Art. 2º – A comercialização de bebidas nas arenas desportivas e nos estádios localizados no Estado do Paraná será permitida desde a abertura dos portões para acesso do público ao estádio até o final da partida, assim entendido o momento do apito final do árbitro.

Art. 3º – A única bebida alcoólica que poderá ser vendida e consumida em recintos esportivos é a cerveja, sendo proibida a venda e o consumo de quaisquer outras espécies de bebidas alcoólicas, sejam elas destiladas ou fermentadas.

Art. 4º – A comercialização de bebidas nas arenas desportivas e nos estádios somente poderá ser realizada em copos plásticos ou garrafas plásticas, descartáveis, admitido o uso de copos promocionais de plástico ou de papel.

Art. 5º – Cabe ao responsável pela gestão do recinto esportivo definir os locais nos quais a comercialização e o consumo de bebidas serão permitidos.

Art. 6º – É vedada a entrada nas arenas desportivas e nos estádios de pessoas portando qualquer tipo de bebida.

Art. 7º – Fica proibida a venda e a entrega de bebidas alcoólicas, nos locais referidos nesta lei, a pessoas menores de 18 (dezoito), podendo os responsáveis responder civil e criminalmente nos termos da Lei Federal no 8.069, de 13 de julho de 1990, com as alterações da Lei Federal nº 13.106, de 17 de março de 2015.

Art. 8º – O descumprimento do disposto nesta Lei sujeita o infrator às seguintes penalidades, sem prejuízo da aplicação da Lei Federal nº 8.078, de 11 de setembro de 1990:

I – se consumidor, será advertido e retirado das dependências do recinto esportivo.

Art. 9º – Deverão ser colocados avisos em diversos setores das arenas desportivas ou estádios, com as seguintes mensagens: “Se beber não dirija, se dirigir não beba” e “É proibida a venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos.”

Art. 10º – As arenas desportivas ou estádios deverão veicular em sistema sonoro ou alto-falante, no mínimo 04 (quatro) vezes durante cada evento, as mensagens “Se beber não dirija, se dirigir não beba” e “ É proibida a venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos.”
Parágrafo único: Fica igualmente obrigada a divulgação das mensagens referidas no caput em telões ou letreiros luminosos nos recintos esportivos que disponham de tais recursos.

Art. 11º – Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Confracap é participação

Twitter & facebook

twitter

Facebook

Galeria Torcedor (a)